VOZES QUE LUTAM. A VOZ DE MARIELLE

0

Na última sexta-feira, 12 de março, a agência URBN Experience promoveu mais uma ação de cunho social. Elaborada junto à Anistia Internacional Brasil, a ação “Vozes que Lutam” rodou a cidade e representou mais de um milhão de pessoas por meio de mais de 30 áudios vindos do mundo todo, cobrando respostas pelos assassinatos da vereadora Marielle Franco e do motorista Anderson Gomes – ocorridos há 3 anos, na noite do dia 14 de março, e cujo mandante ainda não foi identificado.

Os áudios pronunciam em diferentes idiomas a frase “Três anos é muito tempo sem respostas! Exigimos Justiça para Marielle e Anderson”, enquanto o lettering é exibido nas telas LED. As mais de 30 vozes representarão as mais de um milhão de pessoas de todo o mundo que já assinaram a petição cobrando por Justiça no caso. A ação começou com a entrega dessas assinaturas em frente ao Ministério Público do Rio de Janeiro, no Centro da cidade. Depois, o caminhão rodou pela cidade espalhando a mensagem de cobrança por Justiça antes de se posicionar em frente ao Palácio Guanabara, sede do governo do Estado do Rio de Janeiro.

BRAND EXPERIENCE PARA FORTALECER CAUSAS SOCIAIS

“Vozes que lutam” é a quinta grande ação da URBN Experience com cunho social, sendo essa a segunda com a Anistia Internacional Brasil (ver lista completa abaixo). Embora a agência não seja voltada exclusivamente para campanhas sociais, estas ativações estão entre as prioridades da URBN desde a sua fundação, em 2018. “São trabalhos que dão resultados excelentes e nos recompensam como profissionais e como cidadãos”, diz o sócio fundador da URBN Experience, Julio Custódio.

Julio explica o porquê de o brand experience ser uma ferramenta importante para dar visibilidade e fôlego a causas sociais: “Por mais urgentes que sejam, as mudanças sociais costumam acontecer de forma lenta, o que infelizmente costuma desmobilizar as pessoas interessadas. O brand experience reestabelece a conexão do público com as causas, desperta emoções, motiva conversas e ações espontâneas. Com isso, dá um novo fôlego às causas e fortalece sua relevância”, constata.

“Sobretudo neste momento, em que não é possível fazer manifestações presenciais, ações consistentes e criativas de brand experience podem fazer a diferença”, conclui Julio – que irá levar para as ruas mais de trinta vozes de todo o mundo e os anseios de mais de um milhão sem gerar qualquer aglomeração.

PROJETOS DE CUNHO SOCIAL DA URBN EXPERIENCE

Desde a sua fundação, em 2018, a URBN Experience conceitua e produz ações para mobilizar a sociedade:

Cela vazia (2019): ativação realizada em parceria com a ONG Rio de Paz para marcar o primeiro ano sem Marielle Franco e Anderson Gomes. A ação consistiu na instalação de uma cela vazia em frente à Câmara Municipal do Rio de Janeiro para lembrar que, após um ano do assassinato, o caso continuava em aberto e a população sem respostas.

Favelagrafia 2.0 (2019): exposição no Museu de Arte Moderna do Rio de Janeiro em que artistas moradores de favelas distintas da cidade do Rio de Janeiro fotografaram suas próprias comunidades, assumindo o protagonismo e a narrativa sobre suas regiões.

Despertador da Justiça (2020): ação realizada junto com Anistia Internacional Brasil e Instituto Marielle Franco, para marcar os mil dias do assassinato de Marielle Franco e Anderson Gomes. A ação consistiu na instalação de um monumento com despertadores na Cinelândia, formando a frase “1000 Dias sem respostas”, programados para despertar ao mesmo tempo, com objetivo de chamar a atenção das autoridades para o caso.

Parada Encantada de Natal (2020): ação realizada junto com o supermercado Prezunic, que levou mil cestas básicas a instituições de caridade. A ação também foi marcada pela valorização da diversidade, sendo liderada por um Papai Noel negro.

Vozes que lutam (2021): ação realizada junto com a Anistia Internacional Brasil para marcar os três anos do assassinato de Marielle Franco e Anderson Gomes e para formalizar a entrega das mais de um milhão de assinaturas que cobram respostas para o caso. Um caminhão LED passará pela cidade transmitindo áudios e legendas em diferentes idiomas cobrando Justiça para o caso e uma entrega simbólica das assinaturas será feita no Ministério Público do Rio de Janeiro e no Palácio da Guanabara.

Share.

About Author

publicitta

Leave A Reply