CAMPANHA DA FRATERNIDADE 2021: O CRISTO VIVO!

0

A Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) e o Conselho Nacional de Igrejas Cristãs (Conic) abriram, nesta Quarta-feira de Cinzas, 17 de fevereiro de 2021, a quinta edição da Campanha da Fraternidade Ecumênica (CFE), reunindo líderes de diferentes correntes religiosas cristãs como pede o tema deste ano “Fraternidade e Diálogo: compromisso de amor” e o lema “Cristo é a nossa paz: do que era dividido, fez uma unidade”, extraído da carta de São Paulo aos Efésios, capítulo 2, versículo 14.  O texto-base da campanha resgata o Evangelho de um Cristo Vivo em nome do diálogo e do respeito às diferenças, o amor em vez do ódio, a união em vez da divisão e pode ser baixado aqui. 

Neste momento de pandemia, em que negacionismo alimenta fake news (mentiras) para promover um verdadeiro genocídio da população, sobretudo dos marginalizados,  a campanha reafirma, como o Cristo, a importância de sua máxima que está no amor e no respeito ao próximo. O Conic, que reúne as maiores correntes cristãs do país (Igreja Católica Apostólica Romana,Igreja Episcopal Anglicana do Brasil, Igreja Evangélica de Confissão Luterana no Brasil, Igreja Sirian Ortodoxa de Antioquia,Igreja Presbiteriana Unida e Aliança de Batistas do Brasil) faz importante apelo, sinalizando relevante compromisso:

Como cristãos e cristãs, somos chamadas a denunciar desigualdades onde quer que elas estejam. E não podemos só defender “quem pensa como nós e comunga da nossa fé”. Se uma pessoa, independentemente de qualquer coisa, esteja sendo ameaçada, ostracizada, é nosso dever denunciar. Cristo fez isso o tempo todo!
 
Como Conselho Nacional de Igrejas Cristãs do Brasil (CONIC), reafirmamos o compromisso com os Direitos Humanos e conclamamos a todos e todas para um profundo engajamento na Campanha da Fraternidade Ecumênica. 
Que unamos nossas forças para a superação da cultura de ódio, impulsionada, em certos casos, por um discurso religioso distorcido. Que a cultura do conlfito se transforme em cultura de amor, capaz de construir uma sociedade onde caibam mulheres com plenos direitos, a diversidade religiosa, a laicidade do Estado (que respeita todas as crenças), os direitos das pessoas LGBTQIA+ e de quem quer que tenha seus direitos restringidos.
Por Jesus Cristo e sua práxis de amor, diálogo e de crítica a toda a lei religiosa que se coloca acima da amorosidade de Deus, uma boa Campanha da Fraternidade Ecumênica para todos e todas.

 

HISTÓRICO

A Campanha da Fraternidade Ecumênica (CFE) tem sido realizada, em média, a cada cinco anos. A iniciativa congrega diversas denominações cristãs, sempre de forma ecumênica, valorizando as riquezas em comum entre as igrejas. Desde 2000, abordou os seguintes temas:

  • 2000 – Tema “Dignidade humana e paz” e lema “Novo milênio sem exclusões”;
  • 2005 – Tema “Solidariedade e paz” e lema “Felizes os que promovem a paz”;
  • 2010 – Tema “Economia e Vida” e lema “Vocês não podem servir a Deus e ao dinheiro”;
  • 2016 – Tema “Casa Comum, nossa responsabilidade” (tratou do meio ambiente e saneamento básico) e lema “Quero ver o direito brotar como fonte e correr a justiça qual riacho que não seca”.
Share.

About Author

publicitta

Leave A Reply